Redes e Novas Tecnologias

As redes, suportadas nas novas tecnologias, são fundamentais para o desenvolvimento de uma cultura de Rede em que os colaboradores participam ativamente na organização.

As redes devem suportar uma "Bolsa de Ideias Interativa" que favoreça o desenvolvimento dos talentos individuais.

As redes aproximam entre si os colaboradores e as equipas, constituem fóruns de partilha de conhecimento e permitem a difusão das boas práticas.

A focalização da empresa em processos de aprendizagem e transferência das melhores práticas para a organização e para os seus gestores é um fator altamente positivo do ponto de vista da respetiva adaptabilidade e um fator importante de inovação. As equipas interativas, integradas nas redes, discutem e melhoram a qualidade dos processos, tendo em vista a satisfação dos clientes.

As redes são, por isso, parte de uma "ação de inteligência coletiva" em que o conhecimento de cada colaborador da empresa é posto ao serviço da satisfação do cliente e da melhor interação com a rede de fornecedores e parceiros.

As novas tecnologias, integradas no processo de digitalização da economia, são um instrumento essencial ao desenvolvimento organizacional das empresas.

As novas tecnologias devem ser usadas como uma ferramenta de gestão integrada numa cultura de Network, onde os indivíduos das equipas participem de forma ativa, gerando uma cultura de equipa focalizada nos resultados globais da organização.

As novas tecnologias devem funcionar ainda como uma ferramenta de gestão administrativa, maximizando o desempenho organizacional através da melhoria dos processos rigorosamente memorizados.

As novas tecnologias são essenciais no registo do conhecimento organizacional, devendo permitir a existência de bases de dados interativas e de sistemas de contactos eletrónicos que permitam conexões com fornecedores, clientes e outros stakeholders.

As redes e as novas tecnologias são um elemento fundamental na melhoria da qualidade do serviço da organização e são determinantes para uma transformação digital responsável e integradora de todas as pessoas da organização.

A forma como a empresa prepara os seus colaboradores para o futuro, pode verificar-se na capacidade  de resiliência que estes têm face aos novos desafios tecnológicos que vão surgindo continuamente e que podem obrigar a uma transformação total das suas funções.